domingo, 16 de novembro de 2008

CLASSIFICAÇÕES: 24ª Grande Prova de Atletismo do CRP - 16 de Novembro


Luís Pinto do Marítimo foi o vencedor absoluto do 24ª Prova de Atletismo de Ribafria. Em segundo ficou António Travassos do Sporting.

Prova que contou com a presença de alguns atletas quenianos e marroquinos. Tendo estes, momentos antes do inicio da prova, através do seu "empresário", formado uma equipa mista, a qual triunfou com 28 pontos. Com 42 pontos ficou o Grupo Desportivo e Recreativo da Reboleira, ocupando assim o 2.º lugar.


Ponto a ter atenção nas organizações das provas de atletismo :

Na prova acima referida, o dito "empresário" formou uma equipa de atletas africanos sem cumprir as regras previamente estabelecidas pela FPA e IAAF. A organização explicou aos participantes que era uma prova popular e que não se regia pelos regulamentos da FPA, embora no regulamento da prova constasse o seguinte: "...todos os casos omissos serão resolvidos em conformidade com o regulamento da FPA...". Parece-me que estamos perante uma contradição...

Ora no caso em apreço, a ilegalidade é a falta de licença da respectiva federação nacional e da federação do pais de origem.

Estas situações em nada dignificam o atletismo, prejudicando mesmo as organizações de eventos desportivos, afastando os atletas e as respectivas equipas portuguesas.

7 comentários:

BritoRunner disse...

Nuno foi um prazer ter estado contigo na prova da Ribafria.

JCBrito (EntroncamentoRunner)

MPaiva disse...

É lamentável que se atropelem os regulamentos dessa forma, prejudicando aqueles que se dedicam de forma séria e empenhada à prática do atletismo.

Pedro Rodrigues disse...

Eu diria que assino por baixo.

luis mota disse...

Olá Nuno!
Tenho vindo a acompanhar os bons resultados da equipa.
Após o excelente desempenho no Porto, estás já em grande forma.
Grande abraço,
Luís Mota

JOSÉ NARCISO disse...

Se não fosse os prémios monetários de certeza absoluta que muita gentinha não corria!!!
Ass. José Narciso

Gil Ferreira disse...

ui,
já há africanos a correr por meia dúzia de euros... a repartir com o "padrinho"...

Nuno disse...

É verdade os quenianos de 2ª ja correm em atrás de uns trocos. Desses trocos devem dar uma % ao dito empresário......
Em tempo de crise..........

Os comentários são sujeitos a validação, todos os comentários anónimos ou não que sejam difamatórios, injuriosos e atentatórios da boa imagem dos visados não serão publicados.